História da Gucci: marcas famosas italianas

Padrão

Conheça curiosidades especiais sobre a história da marca Gucci, conhecida por impor nos produtos a qualidade que apenas os italianos possuem no mundo fashion.

Em 1921, Guccio Gucci abriu uma empresa de artigos de couro em Florença. Embora sua visão para a marca foi inspirada por Londres, e, a estética refinada da nobreza inglesa, seu objetivo é aliar essa sensibilidade elegante com as habilidades únicas da Itália.

Rapidamente, o rótulo teve sucesso entre os clientes internacionais sofisticados em férias na cidade de Florença buscando a coleção inspirada de malas, luvas, sapatos e cintos.

Muitos dos clientes italianos de Guccio eram aristocratas de equitação locais, e, a demanda por artes levou Gucci a desenvolver sua casa de moda e seu design cada vez mais inovador quanto à estética.

Confrontados com uma escassez de suprimentos estrangeiros durante os anos difíceis da ditadura fascista na Itália durante a primeira metade do século XX, Gucci começou a fazer experiências com materiais de luxo atípicos como cânhamo, linho e juta.

História da Gucci aliada ao Bambu!

Uma das inovações mais sutis dos artesãos Gucci foi polimento de cana para criar a alça do novo saco de bambu, cujo lado curvilíneo foi inspirado pela forma de uma sela.

Um exemplo engenhoso de “necessidade como a mãe da invenção”, o bambu se tornou o primeiro de muitos produtos icônicos da marca.

Escolha favorita da realeza e das celebridades, a bolsa com alça polida continua a ser uma escolha favorita até hoje.

O selo italiano continuou sua expansão global fiel às aspirações originais e definiu suas atenções para o Extremo Oriente. Lojas abertas em Tóquio e Hong Kong.

A empresa desenvolveu as suas primeiras coleções caracterizando GG impresso nas camisas ou nos casacos de pele abotoados.

A marca tornou-se famosa por sua mistura única de audácia inovadora e lendária na qualidade italiana no artesanato.

Ícones Gucci foram reinventados em novas formas ou cores – com logotipo GG através de camurça – usando sempre materiais luxuosos.

Em 1977, seu carro-chefe em Beverly Hills foi melhorado com uma Galeria Gucci particular, na qual VIPs privilegiados como Rita Hayworth ou Michael Caine se impressionaram com o ouro destacável e a cadeia de diamante ou platina nos itens à venda.

Janeiro de 2015: o CEO da Gucci, Marco Bizzarri, nomeou Alessandro Michele como novo Diretor de Criação da Casa, com a responsabilidade criativa total para todas as coleções Gucci e a imagem referente à marca.

Compre os melhores perfumes Gucci no ShopdasMulheres.com.br, uma loja reservada apenas ao público feminino de elite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *